UseRH

dezembro 8, 2021

Lifelong learning: como aplicar na sua empresa?

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Você já ouviu falar de Lifelong Learning?

Este conceito tem tudo a ver com o cenário em que vivemos que é de grande competitividade, afinal, está relacionado à educação continuada.

Como você sabe bem, atualmente, para se destacar no mercado, é preciso dominar uma série de conhecimentos e habilidades. E o Lifelong Learning vai ao encontro dessa demanda. 

No Brasil, a prática desse conceito ainda está engatinhando, mas no resto do mundo, sobretudo nos países desenvolvidos, ela é bastante popular.

Para você ter uma ideia, uma pesquisa da Pew Research Center revelou que 73% dos americanos se consideram lifelong learners (adeptos do lifelong learning).

Mas, o que é esse conceito e como aplicar na sua empresa?

O que é Lifelong Learning?

Lifelong Learning é um termo inglês que, em tradução livre, significa aprendizado ao longo da vida. Trata-se de um conceito que preconiza a educação contínua. Ou seja, sustenta a ideia de que os estudos devem ser permanentes, e não apenas durante um curto perí­odo da vida.

De acordo com a teoria, o aprendizado não se encerra após a graduação, ele deve ser contínuo. A educação formal é apenas uma parte da qualificação. O aprendizado nunca acaba.

Qual é o objetivo do Lifelong Learning?

O Lifelong Learning tem um objetivo bastante claro: estimular a continuidade dos estudos. E não apenas nas instituições de ensino, mas na vida, por vontade própria do indivíduo.

Segundo o conceito, a busca da educação permanente deve acontecer de maneira voluntária e proativa.

Qual a importância do Lifelong Learning para as instituições?

Longe do que se pensa, o conceito do Lifelong Learning não é uma afronta à educação formal. Pelo contrário, ele é um aliado das instituições de ensino, uma vez que representa mais um estímulo aos estudos.

Nesse sentido, a teoria é essencial para as instituições que querem formar alunos preparados para os desafios futuros. Além, claro, de uma oportunidade de incluir cursos e outras formações que atendam às necessidades dos profissionais e do mercado de trabalho.

Quais as vantagens do Lifelong Learning?

Para o indivÍduo que busca adotar o Lifelong Learning com estilo de vida, as principais vantagens são:

Desenvolvimento de novas habilidades

As competências ajudam a proporcionar resultados expressivos nas atividades, especialmente as que são relacionadas ao trabalho. Mas o Lifelong Learning também estimula o desenvolvimento de habilidades comportamentais.

Estímulo da criatividade

O conceito é eficaz para impulsionar a capacidade de pensar fora da caixa e propor novas soluções.

DomÍnio de novas tecnologias

Os lifelong learners são capazes de descobrir novas tecnologias. A teoria estimula a busca por novas ideias e a proporção de soluções diferenciadas para problemas existentes. É a sede por conhecimento contínuo que impulsiona a transformação digital e, consequentemente, a evolução da nossa sociedade.

Surgimento de oportunidades

É difícil mensurar a quantidade de oportunidades que o Lifelong Learning pode proporcionar. Afinal, cada conhecimento adquirido tem potencial de abrir muitas portas. Um novo saber pode despertar o desejo por uma atividade que, até então, parecia pouco atrativa. O importante é deixar o conhecimento guiar os rumos.

Onde o Lifelong Learning pode ser aplicado?

Além dos resultados significativos no âmbito pessoal, a prática também é muito importante para o desenvolvimento profissional.

Entretanto, o conceito não dispõe de vantagens apenas para pessoas e suas formações. As empresas também podem se beneficiar (e muito!) da prática do conceito.

Uma vez que a cultura é estabelecida, os funcionários assumem uma postura mais ativa para buscar conhecimento. Dessa forma, ao adquirirem novas competências e saberes, tornam-se mais preparados para os desafios encontrados no ambiente.

O resultado é uma rotina organizacional muito mais estratégica e produtiva.

Como aplicar o Lifelong Learning na sua empresa?

Cada empresa pode estabelecer seus métodos com base em suas características e necessidades.

Mas, no geral, alguns passos podem ser usados como direção para tornar o conceito uma cultura dentro da sua empresa. Veja quais são eles:

Descubra os interesses dos seus colaboradores

O aprendizado pode estar conectado à carreira, mas, também, a outros aspectos da vida. Descobrir quais são os desejos de conhecimento dos seus colaboradores vão ajudar a empresa a traçar o melhor caminho para adotar o conceito.  

Incentive seus colaboradores a ter mentalidade de lifelong learner

O lifelong learning é um estilo de vida e deve perdurar para sempre. Assim como acontece com quem decide levar uma vida mais saudável.

A mudança é permanente, e não por um período determinado ou até atingir um objetivo específico. Dessa forma, os colaboradores devem ser incentivados a adotarem uma mentalidade de lifelong learner e não desistirem de suas metas de aprendizado.

Faça um planejamento

Lifelong Learning requer planejamento. Nesse sentido, a empresa precisa ter clareza do que seus colaboradores esperam aprender e traçar um plano de ações para prover esse aprendizado.

Acompanhe o progresso dos colaboradores

Acompanhar o progresso dos colaboradores é uma maneira de incentivar e manter a motivação deles sempre alta. Avalie os conhecimentos e mensure o aprendizado em relação ao planejamento. Aproveite também para celebrar cada uma das conquistas.  

Revise os objetivos do seu planejamento

O Lifelong Learning é para sempre. Então, quando seus colaboradores alcançarem o aprendizado que foi traçado no planejamento, novos conhecimentos devem ser perseguidos e adicionados. Por isso, é fundamental que os objetivos traçados no planejamento estejam presentes durante todo o tempo.

Assine nossa Newsletter

Email:
Nome: