Contratar millennials? Saiba como recrutar pessoas dessa geração!

Um dos maiores desafios das organizações atualmente é lidar com a ascensão da geração Y no mercado de trabalho. Com um perfil diferente das anteriores, esses jovens têm objetivos e formas de enxergar o mundo que causam espanto em profissionais mais conservadores, mas por outro lado trazem ótimos resultados. Por isso, aprender a contratar millennials é fundamental para manter-se competitivo no mundo corporativo.

Para saber mais sobre essa nova geração e seus impactos nas empresas é só acompanhar o post!

Quem são os millennials?

Os millennials, ou geração Y, são as pessoas nascidas entre o começo dos anos 1980 e a metade da década de 1990. Ao contrário dos seus pais, esses jovens tiveram desde cedo contato com diversas inovações nas mídias, tecnologia digital e comunicações.

A criação dessa geração também foi mais liberal do ponto de vista econômico e político, com muitos deles tendo crescido em famílias não-tradicionais. Por esse motivo, costumam buscar diversidade, ousadia e inovação em tudo o que fazem.

O que eles valorizam no ambiente de trabalho?

Eles são muito mais exigentes que as gerações anteriores em relação às condições de trabalho. Enquanto os pais deles procuravam estabilidade e segurança no emprego, esses jovens buscam um propósito. Querem trabalhar em empresas com as quais se identificam e possam se sentir pessoalmente realizados.

Um bom ambiente de trabalho também é essencial. Esperam construir bons relacionamentos e se sentir valorizados pelos seus líderes. Além disso, preferem atuar em equipes colaborativas, nas quais todos se ajudam.

Eles são motivados por desafios e almejam crescimento rápido. Se ficarem estagnados, não pensarão duas vezes antes de buscar novas oportunidades. No entanto, não são workaholics: consideram a qualidade de vida mais importante que o salário, podendo até trocar altas remunerações por empregos onde se sintam mais à vontade.

O que muda no mercado com a chegada dos millennials?

A ascensão da geração Y exige que as empresas olhem com mais cuidado para o ambiente interno. É preciso pensar estrategicamente em fatores como cultura e clima organizacional, compreendendo as necessidades desses jovens e traçando planos para reter os melhores talentos.

Nesse cenário, um bom employer branding é fundamental, sobretudo com ações online para melhorar a reputação da empresa como empregadora. Afinal, todo millennial faz pesquisas sobre como é trabalhar na organização antes mesmo de se candidatar para uma vaga.

Como recrutar e desenvolver pessoas dessa geração?

O grande segredo para contratar millennials é implementar medidas para atender as suas necessidades. O desejo por crescimento profissional, por exemplo, pode ser solucionado com uma política de feedbacks contínuos. Ou, ainda, um programa de cursos e treinamentos sobre competências técnicas e comportamentais.

A relação com a tecnologia também é muito importante. Para atrair essa geração, a empresa precisa se modernizar. Os canais de comunicação e todos os processos de trabalho devem estar alinhados com o que há de mais atual, de modo a manter o interesse dos profissionais.

Políticas de gestão de pessoas que equilibrem o trabalho e a vida pessoal são fundamentais. Investir em jornadas flexíveis e home-office pode ser um bom ponto de partida para garantir o engajamento e a satisfação dos profissionais da nova geração.

Como o RH pode lidar com o choque de gerações?

O ambiente corporativo é uma minirrepresentação da sociedade, por isso é normal que haja uma mistura de gerações dentro das empresas. Com isso, certamente surgirão divergências, já que os jovens pensam de forma muito diferente dos profissionais mais experientes. Então, como lidar com isso?

A chave é desenvolver a inteligência emocional dos colaboradores, por meio de diálogos, campanhas e treinamentos específicos. Assim, todos aprenderão a compreender o pensamento do próximo, o que facilita o relacionamento e evita conflitos mais graves.

Agora que você já está por dentro de tudo sobre os desafios de contratar millennials, basta colocar o que aprendeu em prática. Dessa forma, será possível atrair os melhores talentos e aproveitar ao máximo o que essa nova geração tem a oferecer.

Gostou do artigo? Não se esqueça de curtir a nossa página no Facebook. Assim, você receberá em primeira mão todas as nossas dicas sobre gestão de pessoas e negócios!

conteúdo cedido a partir de uma parceria com a RHOPEN CONSULTORIA.